Amiguinhos Amados

domingo, 29 de novembro de 2009

Bichinhos - Transporte


DICAS PARA TRANSPORTE:

Caixa de viagem: as caixas de transportes são seguras e confortáveis e, garantem a segurança para os animais. Você precisará de uma caixa de viagem (feita sob medida) para o seu bichinho. As melhores possuem uma alça (pegador) para transporte, trava para fechamento das portas, grades (fendas) de ventilação, cantos arredondados para limpeza fácil e bastante espaço.

Grade para carros: Você pode adquirir grades de segurança especiais que restringem os cães à traseira de uma caminhonete ou de uma perua. Isso evita que cães ou gatos sejam projetados para a frente se você tiver que frear de repente e, ajuda a manter o estofado do carro limpo.

Cintos de segurança: Você também pode utilizar cintos de segurança para cães. Isso irá reduzir o risco de seu cachorro sair ferido em um acidente de carro. O uso do cinto possui a vantagem de evitar que o animal distraia o motorista pois, ficará preso ao banco traseiro.

DICAS PARA A VIAGEM DE CARRO:

* evite alimenta-lo antes de viajar: facilitaria o vômito durante a viagem;
* cubra com jornais e toalhas velhas o local onde ele irá ficar;
* utilize telas próprias para janela quando for viajar durante o dia e em dias ensolarados e quentes;
* sempre leve uma garrafa d'água grande de plástico;
* a cada a duas ou três horas dê água para o seu animal e deixe-o sair para andar um pouco e fazer suas necessidades;
* se parar o carro por algum tempo jamais deixe seu bichinho dentro do carro quando estiver sol ou muito calor. Os cães não conseguem dissipar o calor transpirando como nós e, poderão sofrer de intermação, podendo chegar ao óbito;

sábado, 28 de novembro de 2009

Bichinhos - Educação


Eduque seu bichinho com firmeza, mas sempre com muito carinho. Os cachorros costumam ser animais limpos e que não gostam de fazer suas necessidades em qualquer lugar. Mas precisam de tempo, aprendizado e paciência. Quando ele fizer uma de suas artes, repreenda-o com um jornal enrolado, para bater no chão, ao lado da prova do crime. Jamais bata nele, isso pode provocar traumas que poderão torná-lo medroso ou mesmo agressivo. Jamais deixe ele sair sozinho nas ruas, além de correr risco de atropelamento, pode sofrer agressões, entrar em contato com animais contaminados, ingerir alimentos estragados ou envenenados.

Não mantenha seu amigo preso em uma corrente, assim seu cachorro se transformará num animal revoltado, agressivo e de difícil convivência com as pessoas que o tratam.

Tenha cuidado com objetos ao alcance do seu amiguinho, principalmente os filhotes que gostam de comer tudo o que encontram. Muito cuidado com ossos de frango.

Leve-o para passear sempre, mas somente após todas as doses de vacina terem sido aplicadas. O passeio é muito importante, pois andar faz bem ao cão. Cuide para que esses passeios sejam feitos com coleira e corrente condutora. Não o deixe solto em hipótese alguma, você não sabe a reação que ele terá quando se aproximar de estranhos ou crianças.

Você é professor dele, com carinho, paciência e bom senso você conseguirá com que o cachorro aprenda o necessário para viver bem e feliz. Coloque um nome nele e chame-o sempre dessa forma. O local onde ele dorme deve ser limpo, seco e protegido contra chuvas, sol intenso, vento e frio. Um animal bem cuidado terá uma vida boa e feliz. Nunca o abandone, ele depende de você!

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Bichinhos - O cão


Entrou um cara naquele bar do interior. Levava o cão ao lado. Enquanto pedia o café, um freguês comentou:
- Que cachorrão!
- Campeão do Mundo! - respondeu o dono.
- Campeão de que?
- De luta de cachorro! Não tem para ninguém. Ganhou todos os prêmios.
- Acho que não! - respondeu uma vozinha lá do fundo.
- Que isso! Aposto dez mil reais! - retrucou o dono.
O que havia falado se adiantou e disse:
- Tenho um compadre que mora aqui perto e acho que o seu cão não ganha do dele não. Quer apostar assim mesmo?
- Manda vir!
Meia hora depois, veio um cão magrinho, um tal de Fifiu.
- É essa droga aí que vai vencer o meu Totó?
O pessoal fez a roda. O dono do campeão mal podia segurar o cachorro e o cãozinho do outro nem aí, não dava a mínima. Fizeram as apostas, os bichos foram soltos, o campeão partiu para dentro do Fifiu, que abriu um olho, levantou a pata e - vapt! - deu uma porrada no campeão, que caiu mortinho na hora.
- Ohhhhh!!!! - fez todo mundo.
O capiau, dono do Fifiu, passou a mão na gaita e teve até a dignidade de nem gozar com o desafiante. Quando já ia se retirando com o Fifiu, o dono do cachorro vencido correu atrás dele e disse:
- Quanto o senhor quer por este cachorro?
- Vendo não, é de estima!
- Então me diga como o senhor conseguiu esta potência? É de que raça?
- Sei não - disse o matuto - Já tô com ele há alguns anos. Peguei ele noutra cidade. Tinha lá um circo que ia fechar, o dono do circo deu o bicho para mim, cortei a juba dele e guardei lá em casa.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Bichinhos - Cuidado com o "Presente Animal"


Um bichinho de estimação, que sirva de companhia e alegre a casa. Parece um presente de Natal ideal, mas nem sempre funciona.
“O animal é um ser vivo. Não é um presente que se a pessoa não gostou, pode trocar ou deixar num canto. Ele requer cuidados, atenção e carinho”. “Mesmo para uma criança, é uma responsabilidade muito grande. E o adulto deve estar ciente que vai ter que fazer boa parte do trabalho.

Não dar o animal se o presenteado está prestes a viajar. “A adaptação leva algum tempo e os primeiros dias são muito importantes. Por isso, prefira entregar o animal em uma sexta-feira, por exemplo, sabendo de antemão que a pessoa vai permanecer em casa no final de semana.”
Se for um presente para algum amigo: “Tenha uma conversa franca e esteja preparado para receber o cão ou gato, por exemplo, de volta”. Mesmo se o presente for de pai para filho, a recomendação é ter bastante cuidado. “Mesmo porque, no primeiro mês eles costumam dar mais trabalho".

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Bichinhos - Cães de Aponte


Cães de Aponte
Grupo composto pelos cães caçadores especialistas em localizar a caça, muito utilizados para a caça com redes ou armas de longo alcance, em inglês são chamados de “Gun dogs” ou “cães de armas”.

Segundo o The Kennel Club, as raças caninas são divididas principalmente por sua função.

Bichinhos - Vizsla (Braco Húngaro)


O Vizsla éum cão de aponte, elegante, muito inteligente e carinhoso, totalmente pacífico, resistente, de porte médio e pelo curto,perfeito para pessoas ativas que querem um grande amigo que não tem o cheiro desagradável característico dos cães peludos.

domingo, 15 de novembro de 2009

Bichinhos - Alimentação


Para ajudar os donos de cães, o Seu Bichinho traz para você uma lista de alguns alimentos que nunca devem ser dados para o seu cãozinho, nem por brincadeira.

* Café: A cafeína presente no café acelera o coração, podendo causar taquicardia e até mesmo ataques cardíacos, quanto menor for o cachorro, maiores os riscos.
* Chocolate: O chocolate assim como todos os derivados do cacau e de outras plantas do gênero Teobroma, como o cupuaçu, contém uma proteína chamada teobromina, esta proteína é prejudicial aos cães e causa vômitos se for ingerida em quantidade. Um cão de médio porte, com 22kg irá vomitar se ingerir 85gr de chocolate amargo ou 200g de chocolate ao leite. Em cães menores a quantidade necessária é menor.
* Noz-macadâmia: Ainda não se sabe porque estas nozes causam tremores e paralisia temporária nas patas trazeiras dos cachorros.
* Alho: Nunca dê alimentos temperados com alho para o seu cachorro, apesar de saudável para os seres humanos o alho destrói as células vermelhas do sangue dos cães e pode causar anemia e, em casos mais graves, falência renal por perda de hemoglobina.
* Cebola: De maneira semelhante ao alho, a cebola, embora seja boa para humanos, é prejudicial às células sanguíneas dos cães. A diferença é que a cebola causa danos cumulativos à hemoglobina, ou seja, toda a cebola que o seu cachorro ingerir na vida vai causar pequenos danos irreversíveis que vão se acumulando com o tempo até o dia em que os sintomas aparecem.
* Uvas e passas: Ainda não se sabe a razão mas uvas e passas podem causar falência renal em cães
* Bebidas alcoólicas: De maneira semelhante ao que acontece com as pessoas, o álcool diminui as funções cerebrais. Mas diferente das pessoas os cães são mais sensíveis a ele, e além disso tem corpos menores, pequenas quantidades de álcool podem levar cães pequenos ao estado de coma. E cães maiores tambémpodem ser afetados com quantidades um pouco maiores.

Além destes alimentos, novas substâncias prejudiciais aos cães continuam sendo descobertas. O “Animal Poison Control Center” – APCC (Centro de controle de envenenamento de animais) chama a atenção para uma substância chamada xylitol, um substituto do açúcar que contém menos calorias e que está presente alguns em bolos, biscoitos e doces. Durante o ano de 2006 o APCC recebeu mais de 200 casos de envenenamento canino com xylitol.

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Bichinhos - Cão mais caro do Mundo


O amor por bichos de estimação já provou ser um caso sério – em alguns casos, muito mais sério. Uma milionária chinesa pagou nada menos do que R$ 1,07 milhão por um cachorro da raça Mastiff tibetano. Com 80 centímetros de altura, o animal provavelmente ostenta hoje o recorde de cão mais caro do mundo.


A milionária, identificada apenas como senhora Wang, não poupou esforços na hora de dar as boas vindas ao cachorro. Mandou um comboio de 30 carros luxuosos para pegá-lo no aeroporto de Xi’na, capital da província de Shaanxi, na China. O cão vinha da província de Qinghai, no nordeste do país, conhecida por abrigar cachorros puro sangue dessa raça.

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Bichinhos - Bichinhos fantasiados




Coitados destes animais. O dono, louco para pagar um mico ou em outros casos, louco para sair do armário, descarrega toda sua frustração nos bichinhos, no melhor (ou pior) estilo "meu dono é um retardado".

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Bichinho - Bichinho que fala

Bichinhos - Atividades


A atividade física é fundamental para o desenvolvimento saudável de seu melhor amigo. Estimule seu cão a exercitar-se desde cedo. Mas conheça antes alguns cuidados básicos que devem ser tomados para que os exercícios não causem danos ao filhote.



Dos dois aos quatro meses a atividade física do filhote deve se restringir às brincadeiras dentro de casa, pois ele ainda estará seguindo o programa de vacinas. Lembre-se de que, sem a imunidade adequada, seu cão não deve ser levado a praças, parques e jardins nem ter contato com outros cães que não estejam vacinados. Já nesta fase o filhote precisa ser estimulado através de jogos e brincadeiras para que ele se acostume com o ritmo de exercícios.



Tenha cuidado com pisos muito lisos. Eles podem prejudicar o aprumo e a postura do seu filhote. Evite que seu cão tenha acesso a lugares altos, como terraços, e mesmo de pouca altura, como bancos e muros, pois uma queda poderá causar fraturas.



Acostume seu filhote a usar guia e coleira. Comece com uma fita ao redor do pescoço para que ele não estranhe muito. Quando seu filhote terminar o esquema de vacinação, é hora de apresentá-lo à palavra mágica: rua!




>> Caminhada

>

domingo, 8 de novembro de 2009

Bichinhos - Depressão


Sim, assim como os humanos, qualquer mamífero pode ficar deprimido. Nos animais de estimação, um dos principais sintomas é a falta de interesse pelas atividades rotineiras, como comer, passear, brincar. A origem pode ser genética ou causada por doenças, como viroses. Manter um animal isolado do carinho do dono ou preso em um ambiente pequeno e sem estímulos também pode gerar depressão. E até mesmo o estado depressivo do dono pode afetar o animal.

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Bichinhos - Raça de Galgos



AFGHANHOUND - O Escolhido de Noé

Pêlo Longo ou Franjado
Origem: Afeganistão
Nome de Origem: Afghanhound
Utilização: Guarda e Companhia


AZAWAKH – Galgo Africano

Pêlo Curto
Origem: Mali
Nome de Origem: Azawakh Tuareg Sloughi
Utilização: Caça


BORZÓI – Galgo Russo

Pelo Longo ou Franjado
Origem: Rússia
Nome de Origem: Russkaya Psovaya Borzaya
Utilização: Caça à lebre e Corrida
CANIL NO BRASIL



CHART POLSKI – Galgo Polonês
De Pêlo Curto

Origem: Polônia
Nome de Origem: Chart Polski
Utilização: Caça


DEERHOUND - O Cão Veadeiro Escocês
De Pêlo Duro

Origem: Grã-Bretanha
Nome de origem: Deerhound
Utilização: Corrida e Companhia.
Galgo Espanhol

GALGO ESPANHOL - O Cão de Caça da Espanha


Origem: Espanha
Nome de Origem: Galgo Español
Utilização: Caça à lebre e Corrida
Greyhound

GREYHOUND – O Mais Famoso dos Galgos
De Pêlo Curto

Origem: Grã-Bretanha
Nome de Origem: English Greyhound
Utilização: Corrida e Companhia
Ibizan Hound

IBIZAN HOUND - O Cão das Ilhas Baleares

Grupo 05 - Cães Spitz e Tipo Primitivo - Seção 7 - Tipo Primitivo de Caça

País de Origem: Espanha (Ilhas Baleares)
Nome de Origem: Ca Eivissec
Utilização: Caça


IRISH WOLFHOUND - O Maior Cão do Mundo
Pêlo Duro
Origem: Irlanda
Nome de Origem: Irish Wolfhound
Utilização: Caça ao Lobo


ITALIAN GREYHOUND - O Menor dos Galgos
de Pêlo Curto

Origem: Itália
Nome de Origem: Piccolo Levriero Italiano
Utilização: Corrida e Companhia
CANIL NO BRASIL


MAGYAR AGAR – Galgo Húngaro
de Pêlo Curto

Origem: Hungria
Nome de Origem: Magyar Agar
Utilização: Corrida e companhia


PHARAOH HOUND - O Cão dos Faraós

Origem: Malta
Nome de Origem: Pharaoh Hound
Utilização: Caça e Corrida


SALUKI - O Cão Nobre do Alcorão
de Pêlo Longo ou Franjado

Origem: Oriente Médio
Nome de Origem: Saluki
Utilização: Caça
CANIL NO BRASIL


SLOUGHI – Galgo Árabe do Deserto

de Pêlo Curto
Origem: Marrocos
Nome de origem: Sloughi
Utilização: Caça


WHIPPET – O Mais Popular no Brasil

De Pêlo curto
Origem: Grã-Bretanha
Nome de origem: Whippet
Utilização: Corrida e Companhia
CANIL NO BRASIL